Rapaz que pichou hotel histórico durante carnaval de rua em MS pratica mesmo crime desde os 14 anos

O último indiciamento ocorreu nesse domingo (3), na região central de Campo Grande, logo depois dele ser flagrado no local e levado para delegacia.

Na polícia, o histórico começou em 2012. Aos 21 anos, o rapaz flagrado pichando um hotel histórico, em Campo Grande, já completa "sete anos de profissão". O último indiciamento ocorreu nesse domingo (3), na região central, logo depois dele ser flagrado no local e levado para delegacia.

Conforme a investigação, o jovem assinou o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e firmou compromisso de comparecer em audiência, no juizado especial criminal. Antes, ele teve antecedentes pelo crime em 2012, 2013 e 2015, além de outras passagens por violência doméstica e porte de drogas para consumo.

Entenda o caso

O rapaz foi preso durante a noite após pichar parte da parede do primeiro andar do hotel. Tudo aconteceu durante carnaval de rua. O hotel é um dos mais antigos da cidade e já havia sido alvo de pichação. A parede nem tinha sido pintada quando houve o novo ato de vandalismo.

Conforme o boletim de ocorrência, o rapaz subiu em uma das janelas e pichou a parede. Depois, pulou de lá e jogou nas pessoas que se divertiam no carnaval a lata de tinta usada na pichação.

Ele tentou fugir do local, mas, foi alcançado pela Polícia Municipal. O rapaz foi autuado por pichação, ouvido e liberado. Ele também foi multado por crime ambiental.

Fonte: G1